sexta-feira, 17 de junho de 2011

SUGESTÃO LEITURA "O HOMEM DO TURBANTE VERDE"


O HOMEM DO TURBANTE VERDE, de Mário de Carvalho, edições Caminho, colectânea de contos

Mário de Carvalho nasceu em 1944, em Lisboa. Licenciou-se em Direito pela Universidade de Lisboa em 1969. Desde jovem que se envolveu na luta antifascista, tendo estado preso ainda na década de 1960 e durante o serviço militar. A sua luta política leva-o ao exílio, primeiro para a França, depois para a Suécia, em 1973. Após o 25 de Abril regressa a Portugal. A sua estreia literária dá-se em 1981, tendo desde aí publicado regularmente numa grande diversidade de géneros: romance, drama, contos, guiões.A sua escrita é extremamente versátil e torna-se impossível incluí-lo numa escola literária. A crítica considera-o um dos mais importantes ficcionistas da actualidade e a sua obra encontra-se traduzida em vários países (Inglaterra, França, Grécia, Bulgária, Espanha, etc.).Recebeu diversos prémios, podendo-se destacar, na sua bibliografia, o romance histórico "Um Deus passeando pela brisa da tarde", que constitui o seu melhor sucesso de vendas e que mereceu a aclamação da crítica, tendo sido distinguido com o Grande Prémio da APE (romance) 1995, o Prémio Fernando Namora 1996 e Prémio Pégaso de Literatura do mesmo ano. Vencedor, em 2004, do Grande Prémio de Literatura ITF/DSTe, em 2009, do prémio Vergílio Ferreira.
Obras publicadas : Contos da Sétima Esfera (Contos), 1981  Casos do Beco das Sardinheiras (Contos), 1982  O Livro Grande de Tebas, Navio e Mariana (Romance), 1982  A inaudita guerra da Avenida Gago Coutinho (Contos), 1983  Fabulário (Contos), 1984  Contos Soltos (Contos), 1986 A Paixão do Conde de Fróis (Romance), 1986 E se Tivesse a Bondade de Me Dizer Porquê?(Folhetim), em colab. com Clara Pinto Correia, 1986 Os Alferes (Contos), 1989  Quatrocentos Mil Sestércios seguido de O Conde Jano (Novelas), 1991 - Grande Prémio de Conto Camilo Castelo Branco Água em pena de pato (Teatro), 1991  Um Deus Passeando pela Brisa da Tarde (Romance), 1994  Era Bom que Trocássemos Umas Ideias Sobre o Assunto (Romance), 1995  Apuros de um Pessimista em Fuga (Novela), 1999  Se Perguntarem por Mim, Não Estou seguido de Haja Harmonia (Teatro), 1999  Contos Vagabundos (Contos), 2000   Fantasia para dois coronéis e uma piscina (Romance), 2003   O Homem que Engoliu a Lua (Infanto-juvenil), 2003  A Sala Magenta (2008)   A Arte de Morrer Longe (2010)

Sem comentários:

Publicar um comentário